Tribunal de Contas: Doris Rios é ficha limpa.

O Tribunal de Contas do Estado do Maranhão (TCE) emitiu nesta quarta-feira (30/set) uma certidão mostrando que não consta nenhuma conta julgada irregular da ex-prefeita Doris Rios, conforme a legislação.

O documento emitido em São Luís atesta que não há nenhuma conta de Doris que tenha sido julgada irregular definitivamente pelo TCE. Doris foi prefeita de Vitória do Mearim entre os anos 2009 e 2016 e, portanto, continua ficha limpa.

Alem de todas as demais certidões negativas exigidas pela lei, Doris Rios tem a principal: a da Camara de Vereadores de Vitória do Mearim, que atesta sua regularidade na prestação de contas.

Doris concorre a um novo mandato de prefeita na eleição deste ano e tem feito campanha nas ruas de Vitória do Mearim todos os dias desde domingo. Filiada ao PDT, mesmo partido do seu filho, o Deputado Ricardo Rios e do Senador Weverton Rocha, ela encabeça uma coligação com o DEM e o PCdoB do governador Flávio Dino e do Presidente da Assembléia, Deputado Othelino Neto.

A candidata tem preferência do eleitor vitoriense, e por tal motivo, foi vítima de ataques de fakenews por alguns perfis falsos nas redes sociais.

CERTIDÃO NADA CONSTA1 Certidao_Negativa (1)

Conheça Janicelma Fernandes

Candidata a Vice-prefeita de São Luís, pela REDE Sustentabilidade

Janilcema Fernandes é candidato à Vice-prefeito de São Luís pela REDE Sustentabilidade.

Janicelma Fernandes nasceu em uma cidade do interior do Maranhão chamada Presidente Dutra. Ela veio para a capital aos 15 anos, após conseguir aprovação no seletivo para cursar o Ensino Médio em uma escola técnica (atualmente IFMA). Estudou e conseguiu ser aprovada na Universidade Federal do Maranhão (UFMA). Seria impossível não considerar essa etapa como um momento de grandes aprendizagens, que marcaria toda sua história.


É muito comum nas famílias nordestinas os pais dizerem que a maior riqueza que deixarão para os filhos são os estudos. Fez o curso de pedagogia na Federal e logo após formada passou a buscar a aprovação em um concurso público. Venceu mais esse desafio. Em 2006, teve êxito no concurso da prefeitura de São Luís.
Seus dias de trabalho eram dedicados ao atendimento aos seus alunos. Isso alimentava nela uma vontade grande de que precisava fazer mais sua cidade. Então, Janicelma foi convidada para implantar o primeiro Centro de Atenção Psicossocial Infanto Juvenil de São Luís (CAPS).
No CAPS, começou a perceber que as soluções mais efetivas estavam para além das paredes. “Eu senti m quando fui para o CAPS que não estava tendo o resultado esperado por tudo que eu queria fazer pelas crianças, uma vez que poucas eram atendidas”, lamentou Janicelma.
Então, a pedagoga pediu para sair da direção do CAPS e foi se candidatar à presidência do Conselho da Criança de São Luís (CMDCA), sendo eleita pela maioria dos conselheiros. Como Presidente do CMDCA, Janicelma viu que havia dado mais um passo nessa caminhada na garantia dos direitos das crianças.
“Começamos uma série de ações pelas secretarias e pela cidade. Buscamos fortalecer as instituições de sociedade civil, captar recursos para o fundo da infância, ampliar recursos para firmar parcerias públicos/privado, garantir orçamento criança e campanhas que sensibilizou a sociedade para o tema da infância e necessidade de envolvimento do poder público e da sociedade”, lembrou. No ano passado, Janicelma recebeu o título de Cidadã Ludovicense em reconhecimento a este trabalho.
A candidata prega que a construção de creches é primordial para as mães deixarem seus filhos, preenchendo suas ‘brechas de desenvolvimento’ e contribuindo com a aprendizagem, além de fortalecer a saúde mental das famílias. Também propõe a melhoria do saneamento dos bairros para garantir espaços de lazer, as ruas dos bairros da cidade estão com esgotos abertos e buracos pelas ruas das áreas mais empobrecidas. Isso agrava a saúde da população, em especial das crianças.